02 maio 2011

Dia do Trabalho

O Dia do Trabalho, 1° de Maio, é uma das datas mais importantes a serem comemoradas, especialmente no Brasil, cujo calendário é tão marcado por um detestável clericalismo.

Nessa data comemora-se a atividade prática que cria, todos os dias, a todo instante, a realidade material da sociedade. Desse modo, não apenas o esforço direto para a constituição da sociedade, mas também os esforços de cada um dos indivíduos que realiza esses esforços: é assim que o Dia do Trabalho também é o Dia dos Trabalhadores.

A sociedade são sempre e cada vez mais as subjetividades individuais e coletivas: as lembranças e os valores que recebemos de nossos antepassados (próximos e distantes), as lembranças e os valores que deixaremos para nossos descendentes (próximos e distantes). É apenas com o passar do tempo que podemos melhorar: apenas com paciência, com bons exemplos, com o acúmulo de idéias corretas (mas também de erros!) que o ser humano pode conhecer-se melhor, pode tornar-se um indivíduo mais correto e afetivo e pode melhorar a realidade em que vive.

Mas essas realidades só são possíveis porque temos uma existência objetiva, no presente, que depende radicalmente do trabalho material para existir: a comemoração do Dia do Trabalho, bem como do Dia do Trabalhador, é um ato de justiça e uma afirmação da Humanidade.

No Positivismo, o conjunto dos trabalhadores, o proletariado, é a “providência geral”: como indicamos há pouco, são os agentes diretos da Humanidade.

Um comentário:

rewestphalen disse...

Parabéns por mais este comentário tão importante e revelador da nossa condição.